terça-feira, 4 de maio de 2010

e no mes da dança...

Ufa!
Quantas informaçoes!

Porém, para aqueles que fazem da dança assuntos em todas as forma, foi mais um momento de intereçao e oportunidades para conhecer e contribuir com os segmentos que fazem de Salvador uma cidade plural nesse assunto.

A FRENTE deu início aos seus trabalhos voltados para a descentralização de informações da dança, através de uma oficina de criadores, realizada no dia 17 de abril no SESI Caminho de Areia, dentro da programação do mês da dança deste espaço. Esta parceria da FRENTE com o SESI rendeu também um bate-papo sobre políticas públicas para a dança, no dia 24 de abril.









Apos esta açao, foi realizado pelo professor Carlos Ujhama no dia 23 de abril, a convite da coordenaçao pedagogica do curso profissionalizante da Escola de Dança da FUNCEB, o projeto SEXTA EM MOVIMENTO. Que tem como objetivo o intuito de propiciar aos alunos, professores e comunidade interessada experiências que contribuam para a formação em dança nas áreas do conhecimento correlatas. Ai esta uma imagem do professor e alunos do 1° semestre da escola apòs o encontro realizado. Parabens a todos voces!









Dando continuidade as atividas em comemoraçao ao mes da dança, foi realizado em parceria com o Espaço Xisto Bahia e o COLA CULAR as oficinas de musica e ritmos populares nordestinos. O ponto alto desse encontro foi a mesa redonda, acontecida no dia 30 de abril, que trouxe ao Xisto mestres da cultura popular, representantes do governo e do municipio. Na imagem abaixo, podemos registrar a presença de Mestre King, Rita Rodrigues, Jorge Conceiçao, representamtes do Espaço Xisto Bahia, representantes do governo do estado e membros do COLAR CULAR. O sucesso foi uma parceria de todos os participantes. Axé!



Porém, nao sò de alegria viveu a Bahia nesse mes comemorativo a dança!

29 Abril 2010
DIA D NA CÂMARA MUNICIPAL

A FRENTE realizou intervenções artísticas no ato público organizado pelo Forum de Dança da Bahia, na Câmara Municipal, Às 9:30h. Vale ressaltar a ausência do Secretário de Cultura do Estado neste encontro tão importante para a classe, bem como a falta de conhecimento em torno das questões da dança do representante enviado pela Fundação Gregório de Matos, órgão gestor da cultura no município de Salvador. A FRENTE, no informativo distribuído durante a sessão, exigiu maior participação do Estado e alguma ação do Município, já que até o momento, há 08 anos com o mesmo prefeito, não propôs absolutamente nada para a classe. Confira !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar este blog